Como ajudar meu cão com medo ou ansiedade?

Porakaa

Comportamento e saúde animal

É realmente difícil vermos nosso cão sofrendo com ansiedade, reatividade ou medo, e não sabermos como ajudar. Lembra da vez que você sentiu medo de algo? (Uma aranha? Uma rua escura? Uma ultrapassagem perigosa?) E quando você fica ansioso esperando o resultado de um exame? Ou ansioso sem saber se terá dinheiro para pagar as contas? Só de ler isso e pensar sobre já é bem desagradável, né?

Alguns parâmetros para avaliar o grau de estresse de um animal: se ele está comendo, bebendo, dormindo bem, se está sendo sociável e se está brincando. Se ele parar de fazer alguma dessas coisas pode ser sinal de que algo está errado.

O que fazer?

Devemos identificar exatamente o que gera esse medo/ansiedade (barulhos? ficar sozinho? ver outros cães?) e criar planos que evitem ou pelo menos diminuam a chance de ocorrer stress no dia-a-dia, para que ele possa se sentir confortável e em segurança. Descobrir do que ele mais gosta (geralmente uma comida especial) também ajuda muito para você fazer pequenos treinos onde ele irá associar o que o assusta a esse alimento prazeroso.

Outra coisa que auxilia é ensinar a ele novas habilidades como aprender a ficar calmo, obedecer alguns comandos, e nunca colocá-lo em uma situação desconfortável de propósito ou enganá-lo (como forçar o cão a interagir quando ele não quer), ele precisa ter confiança em você e poder ir se acostumando com as situações no tempo dele.

Muitas vezes o medo e a ansiedade acontecem também por traumas, bloqueios, problemas de saúde, e uma análise mais ampla sobre a vida e o histórico dele podem ajudar a resolver esse problema de maneira muito mais eficiente.

Se precisar de uma ajuda e orientação, clica aqui para ver nosso atendimento de comunicação animal, onde você recebe um relatório personalizado sobre seu cão com a leitura sobre ele, seu comportamento, e nossas orientações a respeito do que pode ser feito para tornar a vida dele ainda melhor!

Baixe nosso E-book Grátis com dicas e orientações para quem adotou um cão.

Leia Também

Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir chat
Precisa de ajuda?
Powered by